quinta-feira, setembro 21, 2006

Doggy style...



















- " Ah.. que cão tão lindooo.."
- " Obrigado.. mas não é cão.. é uma menina.. "
- " Ah.. pois.. tem uns olhos tão lindos.. Olha.. tem aqui uma.. uma carraça!! Aqui, na orelha!! "
- "He he he.. não é uma carraça.. é um piercing.. é uma cadela muito fashion e muito à frente.. "
- " Um piercing??!!?? Tadinha.. "



Bem, esta é apenas uma conversa-tipo que pretende trazer ao de cimo algumas questões que considero de suma importância..


Há quem pareça muito escandalizado com a ideia de "sujeitar um animal a um sacrificio destes.." Contudo essas são as mesmas pessoas que fazem furos nas orelhas dos próprios filhos..
Há quem defenda que a opinião do animal não foi tida em linha de conta.. bem.. caso não saibam a Karen concordou em fazer o piercing.. pois "quem cala consente".. e ela.. calou.. :)


Agora um pouco mais a sério.. vamo-nos deixar de falsos moralismos pois abandonar os animais de (des)estimação só porque no Hotel para onde vamos não os aceitam.. ir para a praia e deixar o cão a fazer sauna.. dar-lhe mimos enquanto se parece com um peluche e dá nas vistas.. isso meus amigos (e leitores) isso sim é digno da nossa indignação..
Além do que se fosse um sacrificio assim tão grande as pessoas não o fariam a elas próprias (muitas vezes em locais bem mais dolorosos.. digo eu..) não acham?

O que eu acho é que a Karen é linda de qualquer maneira... e se a sua dona decidiu adorna-la com uma joia isso é problema dela e só a ela diz respeito.. Da minha parte sei que é uma das cadelas mais apaparicadas e amadas que conheço.. faz parte da família e é tratada como se de um filho (filha neste caso) se tratasse.. e isso sim é importante!!!

Chocados por comparar a Karen a um filho? Pois.. para mim.. e para os donos da Karen, ela merece o mesmo tratamento e respeito que um filho.. filha.. lol quer seja nos mimos como nos castigos.. A educação fica bem em todo o lado..


A Karen foi resgatada da rua.. o seu fim seria igual ao de tantos outros familiares seus.. triste.. e quem sabe breve.. Porém, e porque o ser humano ainda não está em vias de extinção (embora por vezes pareça) , a Karen teve a sorte de ser encontrada e acolhida por uma familia detentora de um coração enorme.. daqueles em que há sempre lugar para mais um.. pena que a casa não acompanhava essa dimensão.. a Sra Henriqueta não tinha condições para dar à cadelinha de olhos azuis aquilo que ela merecia.. contudo, tratou de tentar arranjar uma familia para ela, alguém que a tratasse bem e com amor..

A familia Pinto, depois de uma reunião familiar (em que prevaleceu a democracia.. 2 contra 1... que mais tarde se transformou num claro e retumbante 3-0...) decidiu acolher a Karen e torná-la em mais um Pinto.. ;)
Claro que o Valentim (Tim para os amigos) ficou radiante (embora não o quisesse demonstrar..) e só faltou bater as palmas.. ups.. as patinhas de contentamento.. :)

A Karen (nome dado pelo Sr. Pinto em homenagem à grande mulher do jogador.. quer dizer.. em homenagem à linda mulher do grande (lá alto era ele..) jogador Jardel, na altura, do S.C.P. como não podia deixar de ser.. ;) ) é hoje uma cadela muito feliz, brincalhona, simpática, meiguinha e cheia de vida!!! :)

Por isso amigos.. a carraça que ela tem na orelha.. fica-lhe muito bem.. e tomara muita criança receber o amor e carinho que ela recebe..

Um beijinho muito muito grande pra ti.. Karen.. és linda!!

2 comentários:

Nani disse...

A karen é realmente linda.
E embora não seja muito de acordo com o dito piercing, não me parece que venha grande mal ao mundo por causa disso. Quanto ao facto de ela não ter podido dar a sua opinião...paciência, isso ela nunca o vai poder fazer, e para isso contamos com o bom senso dos donos. Parece-me que a Karen é uma rapariga cheia de sorte e que encontrou uma familia excepcionalmente bem humorada (a ligação da familia Pinto e da Karen está demais!).
Beijos para a Karen

EMN disse...

Gostei muito desta tua narrativa. A Karen felizmente teve um final de aventura muito feliz. Mas como tu dizes, nem todos têm essa sorte. É algo que me deixa realmente transtornada, é a maneira como os animais são tratados neste planeta. Desde pequena que sonho poder fazer algo por mudar essa realidade.

Vamos ver se um dia o concretizo.

beijos a ti e à Karen.

emn***